Peru Total

Peru Total
Duração: 15 dias e 14 noites - A partir de: Consulte*

Lima é uma cidade divertida, antiga, acolhedora e gourmet. Conhecida como a "Cidade dos Reis", foi a jóia mais apreciada das colônias da Espanha, e durante trezentos anos a cidade mais rica da América. Pela falta de palácios para seus reis, floresceram igrejas que guardam valiosas coleções de arte e mansões para os nobres. Declarado em 1991, pela UNESCO como Patrimônio Cultural da Humanidade, o centro histórico de Lima pode ser, muito além dos títulos, um lugar bastante estimulante. Além disso, Lima é uma cidade com belos museus que guardam o ouro e a prata das fascinantes culturas pré-hispânicas. Por outro lado, em Miraflores, às margens do Pacífico, frente ao mar e ligados à modernidade, levantam-se edifícios enormes e vanguardistas e impecáveis centros comerciais. Também podem ser apreciados em San Isidro, os lindos bairros residenciais, grandes parques arborizados, e gente conversando animadamente em restaurantes e cafés ao ar livre. É ainda um lugar onde a comida é uma religião, e, seus templos; divertidos restaurantes que apresentam comidas à base de peixes e frutos do mar, comidas da Amazônia, dos Andes, e da fusão com outras comidas do mundo. Descubra todas as cidades que há em Lima, onde convergem os rostos, as culturas, as festas e os sabores do Peru. Prosseguiremos viagem a região de Ica. Agrícola por excelência, onde os campos de algodão, pallares, uma espécie de feijão branco, espargos, cítricos e videiras se alternam com extensos desertos de texturas e cores impressionantes. Nos territórios desenvolveram-se algumas das mais importantes civilizações do antigo Peru, como Paracas e Nasca, que deixaram um legado que perdura apesar do tempo, da areia e dos ventos. Lugares que são podem deixar de serem visitados como a Ilhas Ballestas, em frente a Reserva Natural de Paracas, com uma impressionante beleza, refugia lobos marinhos, nutrias, pingüins, delfins e mais de duzentas espécies de aves entre flamengos, aves migratórias de margem e aves guaneiras. Na província de Nasca, um pouco mais de 100 km da cidade de Ica, estão as Linhas de Nasca, um dos maiores enigmas arqueológicos do mundo, declarados Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO em 1994. Trata-se de uma série de linhas e desenhos gigantescos traçados na areia, destacando-se os desenhos da aranha, do colibri (beija-flor) e do macaco, que podem ser apreciados sobrevoando a área. Conhecida como a Cidade Branca pelos seus lindos muros brancos de sillar, uma pedra de origem vulcânica, Arequipa descansa no pé dos imponentes vulcões Chachani e Misti e do nevado Pichu Pichu. No centro da cidade, declarada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO no ano 2000, podem ser visitados templos e casarões coloniais de estilo barroco mestiço, assim como o Monastério de Santa Catalina, uma cidade espanhola em miniatura com ruas estreitas e feitas de pedras, lindas praças e pátios. Situado a somente 3 horas e 45 minutos da cidade, o Vale e Cânion do Colca é um dos destinos mais espetaculares do país. Em toda a região podem ser vistos coloridos andenes pré-incas (sistemas andinos de cultivos em degraus) cultivando até hoje quinua, milho, cevada e trigo. Na época pré-hispânica o departamento foi habitado pelos Collaguas e Cabanas; hoje, os habitantes souberam conservar suas igrejas coloniais como as de Yanque, Lari e Madrigal e continuam vestindo-se com lindíssimos trajes típicos. Além disso, no vale praticam-se esportes de aventura como ciclismo de montanha, trekking e canoagem, e na Cruz do Condor pode ser apreciado o majestoso voo dos condores. Puno foi sede da cultura Tiahuanaco (800 a 1200 d.C.), máxima expressão do povo Aymara, que se desenvolveu na fronteira onde hoje é Peru e Bolívia; os Incas estiveram no território no século XV e os espanhóis deixaram um importante legado colonial em toda a região, atraídos pela atividade mineira que se desenvolveu no lugar. Hoje a cidade de Puno (3827 m de altitude) é capital do folclore peruano e sede da Festa da Virgem da Candelaria e descansa às margens do Titicaca, o lago navegável mais alto do mundo. Os arredores são espetaculares destacando as Chullpas de Sillustani, com seu conjunto de imponentes torres funerárias construídas pelos Kollas; Juli, célebre por seus belíssimos templos coloniais; Lampa, com sua igreja da época do vice-reinado construída entre 1675 e 1685; Llachón, comunidade que ainda conserva muitos costumes e manifestações culturais e Pucará, famosa por sua cerâmica pré-inca e pelos ‘toritos de Pucará’ que hoje os artesãos os elaboram com argila. O lago alberga também diversas ilhas, cujos habitantes preservaram ancestrais costumes e tradições. Um exemplo disso são os Uros, que vivem nas “ilhas flutuantes” fabricadas artificialmente com totora,uma espécie de capim e que navegam pela região nas suas tradicionais embarcações também de totora. Taquile, Suasi e Amantaní são conhecidas pela amabilidade de seus moradores e pelas ancestrais técnicas de tecido, suas construções pré-colombinas e maravilhosas paisagens. A Reserva Nacional do Titicaca (36.180 ha) protege extensos bosques de totora e diversas espécies de flora e fauna. A cidade de Cusco, antiga capital do império incaico, foi declarada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO em 1983 e sem dúvida é um dos destinos mais importantes do país .Entre suas ruas de pedras encontram-se edifícios de construção inca, como o Koricancha e o Palácio de Inca Roca, junto com construções coloniais de estilo barroco andino, como a Catedral e a igreja da Companhia; além disso podem ser visitados o pitoresco bairro de San Blas, onde estão os ateliês dos melhores artesãos do departamento. Esta mágica cidade também conta com uma excitante vida noturna e com cafés, restaurantes e bares para todos os gostos. A dez minutos da cidade levantam-se as gigantescas muralhas da fortaleza de Sacsayhuamán. Uns quilômetros mais, estão os sítios arqueológicos de Qenko, Pukapukara e Tambomachay, construções incas edificadas totalmente em pedra. Ao longo do Vale Sagrado dos Incas, à uma hora de Cusco, estão os povoados de Pisac, Maras, Chinchero e Ollantaytambo, e daí pode-se tomar o trem a Machu Picchu. Outra maneira de chegar a cidade é seguindo uma das sendas do Caminho Inca, uma espetacular rede de caminhos que serpenteiam entre nevados, rios, e paisagens super acolhedoras. Esta é uma das melhores rotas de trekking do mundo, pois através dela, encontram-se salpicados impressionantes sítios arqueológicos e zonas ricas em espécies únicas de flora e fauna. A cidadela de Machu Picchu é o atrativo turístico mais importante de Cusco. Descoberta em 1911 pelo explorador norte-americano Hiram Bingham, esta cidadela é considerada uma das mais extraordinárias amostras da arquitetura paisagística do mundo. Machu Picchu está situada sobre uma montanha de estrutura de granito. Utilizando criativas técnicas, os Incas conseguiram transportar pesados blocos de pedra assim como esculpi-los e poli-los com uma pulcritude surpreendente.


LINHAS DE NASCA COM SOBREVOO

MACHU PICCHU: ALVORECER NA CIDADE SAGRADA

1º DIA – BELO HORIZONTE / LIMA

Embarque no Aeroporto de Confins em voo com destino a Lima. Recepção no Aeroporto Internacional Jorge Chavez e traslado ao hotel escolhido. Acomodação. Noite livre.

Obs.: Dependendo do horário da chegada em Lima é possível realização do Tour “Lima Colonial e Contemporânea” no dia da chegada. Consulte-nos.


2º - LIMA: COLONIAL E CONTEMPORÂNEA

Após o café da manhã, partiremos em visita a cidade para ver seus mais importantes ícones arquitetônicos, como a Plaza Mayor e o Tabuleiro de Damas de Pizarro, o Palácio do Governo, o Cabildo, a Catedral e o Palácio do Arcebispo. Continuaremos nossa visita no Convento de Santo Domingo, uma jóia da arquitetura do século XVI. Seguindo para a parte moderna da cidade, cruzaremos o exclusivo bairro de San Isidro, novo coração financeiro da cidade, para apreciar a Huaca Huallamarca (vestígios arqueológicos no meio da cidade). Finalmente, concluímos o nosso circuito em Miraflores, onde visitaremos o Parque del Amor, excelente local para desfrutar de uma esplêndida vista do Oceano Pacífico. Retorno ao hotel. Acomodação.

3º DIA: LIMA / PARACAS

Após o café da manhã, transfer para a estação de ônibus para embarcar no serviço de ônibus especial para Paracas (4 hrs. Aprox.). Chegada e assistência. Transfer para o Hotel. Acomodação em Paracas.

4º DIA: PARACAS – SOBREVOO DAS LINHAS DE NASCA

Bem cedo, traslado ao aeroporto de Pisco para embarcar no avião e desfrutar do vôo sobre as Linhas de Nazca, situada nos pampas do mesmo nome. Aqui você pode ver os geoglifos muitos, representando figuras de animais estilizados e plantas, que são distribuídas entre um labirinto enorme de linhas, trapézios, triângulos e espirais esculpidas no chão. A enorme rede de linhas e desenhos de animais e plantas atribuídos à cultura Nasca que cobrem uma área de aproximadamente 350 km2. Algumas das melhores figuras são o colibri, o cachorro, o macaco, a ave chaucato (Calandria Colilarga), etc. A alemã María Reiche dedicou 50 anos ao estudo e à investigação do lugar e chegou à conclusão de que era um calendário astronômico. De um mirante de 12 metros de altura podem ser observadas parcialmente as figuras da mão e da árvore. Mas, para apreciar melhor os desenhos em toda a sua dimensãoé necessário sobrevoar a região com aviões de pequeno porte. As Linhas de Nasca foram declaradas Patrimônio Cultural da Humanidade em 1994. Retorno a Paracas. Acomodação.

5º DIA: PARACAS – ILHAS BALLESTAS / LIMA

Logo cedo partiremos para o porto, onde o nosso passeio começa no barco. São quase duas horas de tour para as Ilhas Ballestas, localizadas na costa da Reserva Nacional de Paracas, maior santuário natural de nossas praias. Estas duas belas ilhas são o lar de milhares de aves migratórias que compartilham seu habitat com colônias de leões-marinhos inquieta. Na viagem, você vai notar um misterioso desígnio do lado de uma colina, chamada de "O Lustre". No horário agendado, o retorno de ônibus para a cidade de Lima. Chegada e traslado ao hotel. Pernoite em Lima.

6º DIA – LIMA / AREQUIPA – VISITA DA CIDADE E CONVENTO SANTA CATALINA

Recepção no Aeroporto de Arequipa e traslado ao hotel. Após acomodação passeio pela chamada “Cidade Branca”, devido aos seus muros brancos de sillar, uma pedra de origem vulcânica. Começaremos nossa visita pela Plaza de Armas, passearemos pelo centro da cidade, declarada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO no ano 2000. Seguiremos até a Igreja da Companhia de Jesus, um conjunto está integrado por diversos edifícios levantados pelos jesuítas, tanto para fins religiosos como para vivenda, e forma um monumento representativo da arquitetura religiosa própria do século XVII (1660). No meio do conjunto sobressai o templo. A Igreja de la Companhia foi desenhada em 1573 por Gaspar Báez e foi destruída por um terremoto em 1584. A estrutura atual data de 1650. Possui aproximadamente 66 pinturas da escola cusquenha, com artistas como Bernardo Bitti e Diego de la Puente. Seguiremos para o Monastério de Santa Catalina, construído para albergar as filhas das famílias mais distinguidas da cidade com vocação religiosa e foi inaugurado no dia 2 de outubro de 1580, sob a advocação de Santa Catalina de Siena, como um centro de clausura absoluta, e assim se manteve até o dia 15 de agosto de 1970. Ocupa uma área aproximada de 20 mil metros quadrados e sua distribuição é similar aos primeiros bairros de Arequipa Arquitetonicamente apresenta habitações de diversas formas. Um dos ambientes foi acondicionado como pinacoteca para exibir pinturas das escolas cusquenha, quitenha e de influência arequipenha. Além disso, poderão ser visitadas outras salas ou setores como o Claustro da Portería, o Museu Pré-colombiano, o Claustro de São Francisco, etc.. Trata-se de uma verdadeira cidade espanhola em miniatura com ruas estreitas de pedras, lindas praças e pátios. Continuaremos nosso trajeto até os distritos de Cayma e Yanahuara com seu mirante e igreja. Retorno ao hotel. Acomodação.

7º DIA: AREQUIPA / COLCA (CHIVAY OU YANQUE)

Depois do café da manhã, começaremos nossa viagem até o Canion do Colca (151 km). O ponto mais elevado é o vulcão inativo Ampato (6288 m de altitude), e o mais baixo a confluência dos rios Colca e Andamayo (970 m de altitude). O vale do Colca tem uma extensão de 100 km de comprimento e ocupa somente um setor da bacia do rio Colca. Passaremos pelo vilarejo de Yura, pela Reserva Nacional de Aguada Blanca e Pampa Cañahuas. Durante o percurso pode-se observar o voo dos condores e ver animais como Lhamas, Vicunas e Alpacas. Continuaremos até a cidade de Chivay. Acomodação. Sugerimos um revigorante mergulho nas fontes termais. Restante do dia livre.

8º DIA: COLCA (CHIVAY OU YANQUE) / CRUZ DO CONDOR / PUNO

Partiremos bem cedo para a "Cruz del Condor", o melhor mirante para admirar o Vale do Colca e o majestoso voo dos condores. De volta a pousada, visitamos os pitorescos povoados de Pinchollo e Maca. Após o almoço, traslado para a estação de ônibus para embarcar no serviço de ônibus turísstico Chivay - Puno que nos levará através do planalto na direção da cidade de Puno. A viagem de Colca para Puno oferece belas paisagens e uma vista impressionante da lagoa Lagunillas, onde você pode ver viveiros de trutas e muitas vezes flamingos andinos se alimentando no lago. Chegada a Puno no fim da tarde. Acomodação.

9° DIA – PUNO / LAGO TITICACA / ILHAS UROS E TAQUILE

Após o café da manhã, traslado ao porto de Puno para embarque em excursão fluvial com destino as Ilhas de Uros (A 5 km ao oeste do porto de Puno - 20 minutos de bote). São aproximadamente 20 ilhas numa altitude de 3810 me situam-se nabaía de Puno. Cada uma está habitada com aproximadamente de 3 a 10 famílias uro-aymaras, os quais constroem suas casas com esteiras espécie de capim chamado totora, apesar de que há algumas que substituíram seus tradicionais tetos por calamina. Os uros denominam-se a si mesmos como kotsuña, "o povo lago", e suas origens são de épocas anteriores aos incas. Mantém a tradição da pesca artesanal, especialmente do carachi (Orestias luteus), do peixe-rei e também da caça dos animais silvestres. Os homens são hábeis condutores de balsas de totora e as mulheres são excelentes tecelãs. Continuaremos nossa jornada até a Ilha de Taquile  (A 35 km ao este do porto de Puno - 3 horas de bote). Sua extensão aproximada é de 6 km2 e a altitude entre o porto e o povoado varia levemente, entre 3810 m e 3950 m. Os vestígios da ilha podem ser observados na parte alta e datam das épocas pré-incas. Durante a colônia e até os primeiros anos do século XX, o lugar foi utilizado como prisão política, mas a partir de 1970 a ilha passou a ser propriedade exclusiva dos taquilenhos. Taquile caracteriza-se pelo seu povo hospitaleiro que conservam seus costumes, tradições e as roupas da época antiga. Os moradores são conhecidos pelos seus finos trabalhos têxtis com decorações simétricas simbólicas, utilizam cores fortes, que refletem a sua forma de vida, seus costumes e suas crenças andinas. Almoço incluído. Retorno a Puno no final da tarde.

10° DIA – PUNO / CUSCO

Saída em ônibus turístico (guia em espanhol) desde a cidade Puno em direção a Cusco. Esta viagem de 9 horas conta com diversas paradas e passeios por pequenas vilas andinas e ruínas incas. A primeira parada será na simpática vila de Pukará, produtoras dos famosos “Toritos” de cerâmica que ornamentam todas as casas do Peru andino. Seguiremos até o paso La Raya (4.300 m.) fronteira natural entre Cusco e Puno, onde teremos oportunidades de fotos excelentes. Após almoço (incluso), faremos nova visita as ruínas do templo do Deus Wiracocha na base de um vulcão extinto. Nossa última parada será no no povoado Andahuaylillas onde visitaremos uma igreja colonial de quase 400 anos que tem um órgão impressionante decorado com anjos e querubins, ornamentada com ouro e prata. Chegaremos a cidade de Cusco (3.400 m.) às 17 horas. Traslado ao hotel. 

11º DIA: CUSCO – CITY TOUR + RUÍNAS

Manhã livre. Saída na parte da tarde para visitarmos a cidade de Cusco, antiga capital do Império Inca. Em nossa visita, conheceremos edifícios de construção inca, como o Koricancha e o Palácio de Inca Roca, junto com construções coloniais de estilo barroco andino, como a Catedral e a igreja da Companhia. Seguiremos para as gigantescas muralhas da fortaleza de Sacsayhuamán (esta construção teria sido de caráter religioso, mas sua localização e estilo foi considerada pelos espanhóis e cronistas como uma edificação militar. Ali estaria situado o templo mais importante do Hanan Qosqo ou Cusco de Cima, dedicado à cosmologia andina, à veneração do Inti (Sol), Quilla (Lua), Chaska (Estrelas), Illapa (Raio) e as demais divindades. É qualificada como ciclópica pelo tamanho das pedras, algumas chegam a pesar entre 90 e 128 toneladas. Todos os anos no dia 24 de junho aí é celebrada a grande festa chamada Inti Raymi ou Festa do Sol). E, alguns quilômetros mais, visitaremos os sítios arqueológicos de Qenko (lugar sagrado onde realizavam cerimônias em honra a ao Sol, a Lua e as estrelas), Pukapukara (O complexo possui numerosos recintos, praças interiores, aquedutos, atalaias e caminhos; haveria servido como tambo ou local de descanso e alojamento. Segundo contam, cada vez que o Inca ia visitar Tambomachay, ia acompanhado por uma grande comitiva que se hospedava em Pukapukara. Pela sua sólida aparência a denominam fortaleza) e Tambomachay (importante função religiosa vinculada à água e à regeneração da terra. Calcula-se que foi construída cerca de 1500 d.C., em estreito vínculo com Pukapukara. A extensão do lugar é de aproximadamente meio hectare e o material utilizado para sua construção foi a pedra caliça com disposição de materiais de estilo poligonal), construções incas edificadas totalmente em pedra. Retorno ao Hotel.

12° DIA – CUSCO - VALLE SAGRADO E OLLANTAYTAMBO

Após o café da manhã, sairemos com destino ao Valle Sagrado dos Incas, por onde corre o Rio Urubamba ou Viracocha. Tempo para visitação do tradicional mercado popular de Pisac (artesanatos a excelentes preços). Depois seguiremos pelo Vale até a cidade de Urubamba onde almoçaremos. Na parte da tarde, visita as ruínas de Ollantaytambo. Este complexo foi edificado durante a época inca como uma área fortificada com um templo, plataformas de cultivo e um setor urbano. Podem ser apreciados dois setores: um denominado "Araqama Ayllu", área dedicada ao culto e á religião; e o segundo "Qosqo Ayllu", conjunto dedicado à moradia. Ollantaytambo foi um importante centro administrativo que provavelmente cumpriu também funções militares, tais como demonstram as muralhas e os torreões. Também há vestígio de antigas trilhas e aquedutos. O povo de Ollantaytambo é chamado "Povo Inca Vivo", pois seus moradores conservam usos e costumes muito antigos. Retorno a Cusco. 

13° DIA – CUSCO / MACHU PICCHU / ÁGUAS CALIENTES

Após o café da manhã embarque em trem Vista Dome (com teto de vidro) com destino a Águas Calientes. Durante a a viagem poderemos admirar as belezas do Vale Sagrado como suas plantações, altas montanhas, picos nevados e o Rio Urubamba famosos por suas corredeiras. Depois de atravessarmos um estreito caminho entre as montanhas chegaremos a vila de Águas Calientes, onde tomaremos um micro-ônibus (30 min) até a cidadela de Machu Picchu. Com auxílio de um guia local, percorremos durante 3 ou 4 horas as ruínas do que foi uma das principais cidades do império Inca e que ficou perdida durante mais de 400 anos. Depois de um breve almoço tipo self-service (incluído), teremos a tarde livre para caminhar pela ruínas ou percorrer as trilhas que nos levam a Porta do Sol (3hrs) e ao topo da montanha Waiña Picchu. No final da tarde, retorno para a cidade de Águas Calientes. Pernoite.

14° DIA – ÁGUAS CALIENTES / (MACHU PICCHU) / CUSCO

Teremos este dia inteiramente livre para nova visita (auto-guiada, ingressos incluídos) a cidade Sagrada de Machu Picchu. Teremos a oportunidade conhecermos melhor os sítios arqueológicos bem como fazer caminhadas até a Porta do Sol ou caminhada até o topo da montanha Waiña Picchu com a melhor vista da cidade sagrada ou meditações. Retorno a Águas Calientes e embarque em Trem Vistadome para Cusco. Acomodação e restante da noite livre.

15° DIA – CUSCO / LIMA / BELO HORIZONTE

Em horário apropriado, traslado ao Aeroporto para embarque em voo com destino a Belo Horizonte. ATÉ SUA PRÓXIMA AVENTURA.

É possível conhecer várias regiões do Peru em uma mesma viagem. Podemos programar um roteiro, incluindo diversos atrativos, de acordo com os interesses do passageiro. Aproveite para visitar também Cusco, Machu Picchu, Valle Sagrado, Arequipa, Linhas de Nasca, Dia extra em Lima, Trujillo, Chiclayo e Senhor de Sipan. Consulte-nos.


PREÇOS (EM USD) POR PESSOA: SOB CONSULTA*

Inclui:
- Traslados Aeroporto de Lima / Hotel / Aeroporto de Lima
- 2 Noites de hospedagem em Lima no Hotel escolhido com café da manhã
- Tour Lima Colonial e Contemporânea
- 2 Noites de hospedagem em Paracas no hotel escolhido com café da manhã
- Transporte em ônibus turístico Lima / Paracas / Lima
- Traslados Estação / Hotel / Estação em Lima e Caracas
- Tour “Sobrevoo as Linhas de Nasca”
- Tour Ilhas Ballestas
- Traslados Aeroporto de Arequipa / Hotel / Aeroporto de Arequipa
- 2 Noites de hospedagem em Arequipa com café da manhã
- Tour pela cidade de Arequipa
- 01 noite no Canion do Colca na hospedaria escolhido
- Tour Cruz del Condor
- Transfer em ônibus turístico Cruz del Condor / Puno
- 2 Noites de hospedagem em Puno no hotel escolhido com café da manhã
- Tour Full Day Lago Titicaca – Ilhas de Uros e Taquile
- Transfer Puno / Cusco em ônibus turístico com visitas, guia e almoço
- 4 Noites de hospedagem em Cusco no Hotel escolhido com café da manhã
- Traslados Aeroporto / Hotel / Aeroporto em Cusco
- City-tour + Ruínas regular em Cusco
- Tour Valle Sagrado + Ollantaytambo em regular com almoço
- Traslados Hotel / Estação de Trem de Poroy / Hotel em Cusco
- Tour Full Day a Machu Picchu em Trem Vistadome com almoço
- 01 noite de hospedagem em Águas Calientes com café da manhã
- Ingresso e ticket de ônibus para visita segunda auto-guiada em Machu Picchu

Não inclui:
- Passagens aéreas
- Taxas de embarque
- Despesas de ordem pessoal
- Bebidas
- Refeições extras

Saídas Diárias
* Documentação para embarque: para sua tranqüilidade providencie a documentação com antecedência.
* Crianças menores de 18 anos que não estejam acompanhadas de pai e mãe, devem obrigatoriamente ter autorização com firma reconhecida daquele que não está presente e deve estar munido além do passaporte, a certidão de nascimento do menor que irá viajar.
* Preços sujeitos a alterações sem aviso prévio.
* Preços sujeitos à disponibilidade nas classes aéreas correspondentes.
* Preços válidos para saídas com no mínimo 2 pessoas.
* A ordem dos passeios não será obrigatoriamente a descrita acima.
* A programação acima pode sofrer alterações devido a fatores climáticos, de acesso, ou outros que a TURISMO_OPERADORA julgue que possam interferir na segurança ou bem estar dos viajantes.

Formas de pagamento:
- 25% de entrada a vista (cash, cheque ou transferência) e o restante em até 6 x sem juros nos cartões Visa, Mastercard e Diners
- 3% de desconto para pagamento a vista

CANCELAMENTOS E DEVOLUÇÕES
Roteiros Internacionais seguem condições específicas, pois Hospedagem e passeios como:
- Trilhas, serviços e outros, estão sujeitos a análise por cada fornecedor em caso de reembolso;
- Hospedagem, traslados e passeios, em períodos de alta temporada, não são reembolsáveis;
- Passagem aérea, reembolsável de acordo com as restrições de cada Cia.Aérea, sujeita a cobrança de multa

* Valores sujeitos à alteração sem aviso prévio. Pacotes sujeitos à disponibilidade e a alterações. Fotos meramente ilustrativas.

Câmbio Oikos Turismo
Cotação de moedas

dolar Dólar: R$ 4,24
euro Euro: R$ 4,97
Validade: 24/09/2018

Nossos contatos
Vamos conversar?

  • +55 31 3283-5777
  • +55 31 9-9614-9354
  • oikos@oikos.tur.br
  • atendimento@oikos.tur.br
  • Fale conosco

Redes sociais
Curta nossas redes